3d.png

FEMINISMOS:

EPISTEMOLOGIAS, PRÁTICAS E INCIDÊNCIAS POLÍTICAS

VOLUME 1

 

Ana Maria de Barros

Ana Maria Tavares Duarte

Dayse Cabral de Moura

Karinny Lima de Oliveira

Maria Betânia do Nascimento Santiago

Tânia Maria Goretti Donato Bazante

- ORGANIZADORAS -

Seja muito bem-vinda a nossa construção!

  

O nosso livro é fruto de um encontro poético da militância feminista do Movimento Social (Coletivo Marias também têm força) e da Academia (Grupo de Pesquisa: Educação, Inclusão Social e Direitos Humanos – UFPE/CNPq e o Laboratório de Geografia e História da UFPE/CAA). E não foi protocolar! Na verdade foi no meio da madrugada de estudos que fiz a proposta à Professora Ana Maria de Barros da parceria para publicarmos um livro em que contemplasse um novo formato de construção coletiva, em que permitisse a democratização da escrita, para que pudéssemos acolher tanto os trabalhos de Narrativas apresentadas no I Fórum Transnacional do Coletivo Marias também têm força, cujo tema foi “Saberes em desobediência epistemológica: o protagonismo de Mulheres sobreviventes da violência”, realizado nos dias de 03 a 30 de novembro de 2020, com transmissão pelo Canal do Coletivo Marias também têm força (vide https://www.youtube.com/c/KarinnyOliveira ), com também novos trabalhos de produção científica e em especial, e de forma pioneira, acolher trabalhos de outros tipos textuais (Contos, Poesias, Cordel e etc) de mulheres que nunca tiveram acesso à academia, oportunizando assim a divulgação de seus trabalhos e ressaltando sobretudo o protagonismo da mulherada de luta. Tudo foi realizado com muito diálogo e adaptando sempre os nossos prazos ao tempo da nossa construção coletiva (considerando que nesse lapso temporal duas de nós tivemos a COVID-19). Não havia sentido publicar um livro em que não respeitasse a peculiaridade da nossa construção coletiva. Outra característica poética do nosso livro foi a participação especial de Dona Severina (Co-Fundadora do Coletivo Marias também têm Força), que em cada momento de construção, contribuía de forma muito significativa, pois mesmo sem saber ler e escrever, acompanhou atenta todas leituras que fazíamos, ela perguntava o significado de cada título, o número de páginas e falava sempre que “– Se sentia feliz de ter apoio e ver sua história contada para encorajar outras mulheres”. “– Ah! Me sinto orgulhosa do nosso livro!” E não podia deixar de registrar, a escolha da foto da Capa, essa foto somos nós (mulheres sobreviventes da violência), esse registro revela a forma de como estamos inscritas no mundo: “- Sororas no enfrentamento!”. E por fim, e não menos importante, a forma linda do engajamento realizado pelas pessoas que nos acompanham nas redes sociais, pois a cada etapa cumprida, era realizada a devida publicação para que todes pudessem compartilhar da nossa caminhada! Estamos na publicação do nosso primeiro Volume e já temos demanda para o Volume II! Isso mesmo! Agora vai ter muito protagonismo feminista! Venha participar! Esse espaço é nosso! Avante!

 

Caruaru, 15 de fevereiro de 2022. Karinny Oliveira.

 

ISBN: 978-65-81450-74-8