Escolha o site ou livraria de sua preferência e adquira seu exemplar. Boa leitura...

História, imagem e memória de Palmeira dos Índios 

no acervo do GPHIAL

JOSÉ ADELSON LOPES PEIXOTO

YURI FRANKLIN DOS SANTOS RODRIGUES

(Orgs.)

No ano de 2015, o projeto de pesquisa intitulado “Palmeira dos Índios em fontes documentais primárias e secundarias: patrimônio e memórias” foi aprovado no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica – PIBIC, da Universidade Estadual de Alagoas - UNEAL, financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas – FAPEAL. Em 2018, a pesquisa foi ampliada com a aprovação do projeto “A memória da cidade: história local, patrimônio e imagem em Palmeira dos Índios” e, finalmente, em 2019, a ação foi complementada com o projeto denominado “Entre o passado e o presente: memórias, documentos e imagens de Palmeira dos Índios”.

As três propostas visaram tratar as fontes documentais primárias e secundárias existentes no acervo do Grupo de Pesquisas em História Indígena de Alagoas – GPHIAL, e utilizá-las para (re)escrever a história de Palmeira dos Índios, com o intuito de produzir e disponibilizar uma fonte histórica de fácil manuseio e que possa circular amplamente, uma vez que o acervo, pelas condições impostas pela ação do tempo, não pode ser disponibilizado para consultas. Trata-se, pois, de uma “tentativa de salvar da destruição muitos materiais largados em porões e depósitos abandonados, impedindo a viabilização de qualquer pesquisa” (SILVA, 1999, p. 88).

Tendo como base o referido acervo, composto por fotografias, jornais do início do século XX (inclusive com artigos inéditos de Graciliano Ramos), manuscritos, documentos cartoriais, correspondências, inventários, peças criminais, entrevistas gravadas em vídeo, cartas de alforria, escrituras de compra e venda de escravos e de bens imóveis, buscamos introduzir uma nova perspectiva sobre a história local, evidenciando as memórias e histórias de múltiplos grupos sociais.  

Buscamos assim, evidenciar as histórias dos silenciados, marginalizados e esquecidos no processo histórico de formação do município, pois a “memória, como propriedade de conservar certas informações, remete-nos em primeiro lugar a um conjunto de funções psíquicas, graças às quais o homem pode atualizar impressões ou informações passadas, ou que ele representa como passadas” (LE GOFF, 2003, p. 419). Assim, as memórias armazenadas no acervo são instrumentos essenciais para perpetuação da história, infelizmente produzidas sob a emoção do saudosismo ou ufanismo do pertencimento, o que justifica a nossa intenção em apresentar uma interpretação desprovida da emoção, porém, marcada pela cientificidade da História e da Antropologia.

Portanto, essa coletânea de artigos nasceu de inquietações e problemas, frutos de um produto intelectual sobre a história, memória e imagens locais, tendo como luz o acervo do GPHIAL. Ambicionamos despertar novas pesquisas e fomentar o interesse em revisitar o passado para descortinar o presente e produzir uma outra história de Palmeira dos Índios ...

 

José Adelson Lopes Peixoto/GPHIAL/UNEAL

Yuri Franklin dos Santos Rodrigues/GPHIAL/UNEAL

(Organizadores)

ISBN: 978-65-81450-02-1 - VERSÃO IMPRESSA

N° DE PÁGINAS: 230

TAMANHO: 20X20cm

PAPEL: POLEN 80g

CAPA COUCHÉ 250g

© 2019 por Editora Olyver | CNPJ: 33.742.240/0001-10 | Inscrição Estadual: 24303379-6

E-mail: editoraolyver@gmail.com | Contatos: 82 9 8707-5673 | 82 9 98174-5648

  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon